01 dezembro 2010

Integridade Interior - o ensinamento fundamental da Oneness University

Trecho do webcast com América do Norte em 20.12.2009

Tema: Integridade Interior

Bhagavan: "Eu falei com o México ontem, e hoje com a Suécia e Itália. O que noto é que parece haver um mal-entendido sobre os ensinamentos. Eles passaram por Nível 1 e Nível 2. Do jeito que estão fazendo as perguntas, eu pude ver claramente que eles compreenderam mal os ensinamentos. O ensinamento da Oneness é algo realmente muito, muito simples. (Clique para continuar...) Click for english version...

O que você precisa entender é que se soa complexo, então há algum mal-entendido sobre o ensinamento. E se você entender que você tem que fazer algum esforço, então novamente vocês não entenderam o ensinamento. Ao dizer 'nenhum esforço', de maneira alguma significa indiferença. Isso não deve ser confundido com indiferença.

Vamos ver o que é que estamos dizendo. Basicamente podemos colocar todo o ensino da Oneness em uma só palavra, que é 'consciência'. Muitas vezes recebemos perguntas como: 'Olha, eu sei que eu tenho feiúra, tenho ciúme, não tenho amor, tenho raiva, tenho a violência e eu estou tentando experimentar o sofrimento, e agora isso não está acontecendo, e quando é que eu vou mudar? eu acho que sou impotente.'

O que é mais importante para compreender é que o conteúdo de sua mente não é de forma alguma importante. Poderia ser qualquer coisa. Poderia ser a violência, a não-violência, raiva, ódio, frustração, inveja, medo. Toda a gama de pensamentos, sentimentos e emoções. Nós simplesmente não estamos preocupados com eles. Porque não estamos tentando de nenhuma forma mudar nada. Não há nenhum esforço para mudar, porque não podemos mudar. Nós não podemos mudar, porque esses são os conteúdos da mente humana, que é muito antiga, e existe apenas uma mente.

O que é isso que estamos tentando fazer? O que é essa mudança de que estamos falando? Por um lado, nós dizemos 'nenhuma mudança' e, por outro lado, nós ainda parecemos falar sobre algum tipo de mudança. Tudo o que estamos falando é: por favor, torne-se intensamente consciente do que está acontecendo. Isso é tudo. Não há nada que você possa fazer. Não há nada que você deva fazer. É por isso que nós falamos sobre isso como um esforço sem esforço.

O único esforço é tornar-se aos poucos consciente do que está acontecendo e, em seguida dizendo: 'Tudo bem. Deixe-me tomar consciência.' Isso é tudo.

Então, a medida que você tentar se tornar consciente, você vai perceber que é quase impossível. É muito difícil. É nesse momento que você joga a toalha e diz 'Oh meu Deus, isso é impossível.' Esse é o momento, como dizemos, em que é melhor você se render. Este render-se não é uma espécie de rendição servil. É apenas a percepção de que você não pode fazer nada e que nada está acontecendo. É então que você evoca o divino através de uma bênção. Em seguida, a bênção vai levá-lo onde você deve ir. E aonde você vai? Você vai para lugar nenhum, porque em primeiro lugar não há lugar algum para onde ir. Você apenas se torna mais e mais consciente do que está acontecendo.

E o ensinamento diz que o primeiro passo é o último passo. Isso não significa que depois de ter dado o primeiro passo você está indo para algum lugar. Você não está indo a lugar nenhum, pela simples razão de que não há para onde ir. Então, qual é o primeiro passo? O primeiro passo é a consciência. Qual é a última etapa? Consciência. Então o que há? Há apenas consciência. A consciência é o princípio e o fim de todas as todas as coisas.

Por favor, entendam que a consciência não vai levá-los a lugar algum. Ela não vai livrá-lo do ciúme. Compreenda que a consciência não vai livrá-lo da raiva. Ela não vai fazer de você um santo. Não, de forma alguma. Consciência apenas lhe dará a liberdade com o ciúmes, liberdade com a raiva, com ódio. Você vai parar de interferir neles e você vai parar de tentar mudá-los. O que há no começo é a consciência. O que está no meio é a consciência. O que está no fim é a consciência. Quando você está consciente, você está plenamente desperto. Quando você está acordado, você está vivendo e não apenas existindo.

Agora você está no estado de sonhar acordado. Todo o tempo, você está preso neste conflito que o pensamento está produzindo. Você está em algum lugar e está tentando chegar a algum outro lugar. Esse é o movimento do pensamento. Você está engajado nisso e preso naquilo. É por isso que você não vive, você simplesmente existe. Esta é a situação que vai mudar no ano de 2012. Mesmo antes, isso vai acontecer a muita gente, se você compreender corretamente o ensinamento.

Então eu vou repetir: você não está indo a lugar algum. Você não vai mudar nada. Não há nada que você possa mudar. Tudo o que estamos esperando de você é por favor se torne intensamente consciente do que está acontecendo. É um lindo filme que você poderá desfrutar. Não há filme melhor do que esse. E não há livro melhor que você possa ler do que esse. Mas você não pode lê-lo enquanto não houver consciência.

Estar consciente é tudo que há. Estar consciente é ter a presença em você. Á medida que a sua consciência se aprofunda, a presença se aprofunda. E haverá um ponto quando você estiver tão intensamente consciente, que a presença estará quase completamente lá. A presença é o que vocês chamam de Deus. Nesse ponto, você se torna Deus. Você e a presença são totalmente um. Você, a consciência e a presença vão todos se tornar completamente um. É então que você vê por si mesmo que você é Deus. Estamos tentando chegar lá.

Então, espero que a partir desse agora, vocês vão apenas ver o que está acontecendo. Não tentem fazer nada com isso. Não há nada que vocês possam fazer. Isso apenas está lá. Essa é a verdade. Essa é a Integridade Interior. Isso é ser autêntico. Não sejam indiferente a isso, por favor, mas mantenham-se intensamente conscientes disso. Isso é tudo que vocês precisam fazer. Esse é o ensinamento da Oneness. Esse é o ensinamento mais fundamental.

Os outros ensinamentos são essencialmente de apoio a esse. Como dizer que o primeiro passo é o último passo. Experiencie isso. Quando você tenta experienciar, não há nada para experienciar. Quando você está consciente, a experiência está automaticamente ocorrendo. Você está experimentando a realidade como ela é. O que nós estamos apenas tentando descrever, mas depois você tenta colocar algum esforço, 'Ok, eu agora devo experienciar o sofrimento. Tudo bem, devo experienciar a realidade como é. Tudo bem, eu vou ser um ser humano melhor.' Não existe tal coisa de ser um ser-humano melhor ou um ser-humano inferior.

A partir dessa consciência a ação surge espontaneamente. Isso é o que chamamos de ação. Todo o resto você pode chamar de ação, mas é apenas a atividade. Esta ação – aqueles que não estão despertos podem chamar isso boa ação e alguns podem chamar isso de má ação, ação correta ou ação errada. Para alguém que está desperto, é apenas ação. Para ele, é a ação perfeita. Ela surge da completa consciência.

Gostaria que você começasse a contemplar sobre o que eu acabei de falar e vamos ver quais serão as suas experiências..."

Part of webcast with North America 12-20-2009

Topic: Inner Integrity

Bhagavan: "I spoke with Mexico yesterday and Sweden and Italy today. What I notice was there seems to be a misunderstanding about the teachings. They have gone through Level 1 and Level 2. From the way they’re asking the questions, I could clearly see they’ve misunderstood the teachings. Now the oneness teaching is actually a very, very simple teaching.

What you need to understand is that If it sounds complex, there is some misunderstanding about the teaching. And then if you understand that you have to put in some effort, then again, you have misunderstood the teaching. By saying no effort, we do not mean indifference at all. This should not be mistaken for indifference.

Let us see what is it we are saying. Basically we could put the entire oneness teaching into one word, That is AWARENESS. So, very often we are getting questions like saying, 'Look I know I have ugliness, I have jealousy, I have no love, I have anger, I have violence and I am trying to experience suffering and now it’s not happening and when is it I’m going to change and I find that I am helpless.'

What is most important to understand in oneness is the content of your mind is NOT AT ALL important. It could be anything. It could be violence, non-violence, anger, hatred, jealousy frustration, fear. All that whole range of thoughts, feelings and emotions. We’re just not concerned about them. Because we are not trying to change at all. There is no effort to change because we cannot change. We cannot change because these are the properties of the human mind which is very ancient and there is only one mind.

What is it we’re trying to do? What is this change we’re talking about? On the one hand, we say no change and on the other hand, we still do seem to talk about some sort of change. All that we are talking about is: please become intensely aware of what is going on. That’s all. There is nothing else you could do. There is nothing else you should do. That is why we’re talking about it as effortless effort.

The only effort is slightly becoming aware of what is going on and then saying: 'Okay. Let me become aware.' That’s all.

Then, as you try to become aware, you will realize it’s next to impossible. It’s that difficult to start with. That’s when you throw in the towel and say 'Oh my God it is not possible.' That is the time, we say, you better surrender. This surrender is not some kind of slavish surrender. It’s just the realization that you cannot do anything and nothing is happening. It’s then that you invoke the divine through a blessing. Then the blessing will take you where you should go. And where do you go? You go nowhere because there is nowhere to go in the first place. You only become more and more aware of what is going on.

And the teaching says that first step, the last step. This does not mean that after you have taken the first step, you are going to go somewhere. You are not going to go anywhere at all for the simple reason there is nowhere to go. So what’s the first step? The first step is awareness. What’s the last step? Awareness. So what is there? There is only awareness. Awareness is the be all and end all of all things.

Please understand that awareness is not going to take you anywhere. It is not going to free you of jealousy. Understand that awareness is not going to free you from anger. It’s not going to make you into a saint. No, not at all. Awareness will only be giving you freedom with jealousy, Freedom with anger, freedom with hatred. You will stop tampering with them and you will stop trying to change them. What is in the beginning is awareness.

What is in the middle is awareness. What is in the end is awareness. When you are aware, you are fully awake, When you are awake, you are living and no more existing.

Right now you are in the state of day dreaming. All the while, you are caught up in this conflict the thought is producing. You are somewhere and you’re trying to get somewhere. That is the movement of thought. You are engaged in this and you are caught up in that. That is why you do not live, but you are merely existing. This is the situation which is going to change in the year 2012. Even before that it is going to happen to lots of people if you correctly understand the teachings.

So I’ll repeat: you are not going anywhere. You are not going to change anything. There is nothing you can change. All that we’re expecting from you is please become intensely aware of what is going on. It’s a beautiful movie that you could enjoy. There is no better movie than that. And no better book you can read than that. You cannot read it as long as there is no awareness.

To be aware is all there is. To be aware is to have the presence in you. As your awareness deepens, the presence deepens. And there comes a point when you are so intensely aware that the presence is almost completely there. The presence is what you call God. At that point you become God. You and the presence are totally one. You, the awareness and the presence will all completely become one. That’s when you see for yourself that you are God. We are trying to get there.

So, I hope that from this moment onwards, you will just see what is going on. Don’t try to do anything to it. There is nothing you can do to it. It’s just there. That is the truth. That is inner integrity. That is being authentic. Don’t be indifferent to It, please, but be intensely aware of it. That’s all you have to do. That is the oneness teaching. That’s the most fundamental teaching.

Other teachings are mainly supportive of it. Like saying the first step is like the last step. Experience it. When you try to experience it, there is no experiencing at all. When you’re aware, experience is automatically taking place. You are experiencing reality as it is. What we are merely trying to describe, but then you try to put an effort, 'Okay, I must now experience suffering. All right, I must experience reality is at is. All right I’ll be a better human being.' There is no such thing as a better human being or a lower human being.

Out of this awareness action arises spontaneously. That is what we call action. Everything else you may call action, but it is merely activity. This action -- some may call it who are not awakened good action and some may call it bad action, right action or wrong action. For someone who is awakened, it is just action. For him, it is perfect action. This arises from complete awareness.

I would like you to start contemplating on what I have just now spoken for the following month and let us see what your experiences are..."

Nenhum comentário: