21 novembro 2011

Foque na solução, não no problema...

“Por favor, foque na solução, não no problema. Muito frequentemente quando você reza, o seu foco está no problema. Por favor, não faça isso. Se você quer dinheiro, não reze explicando quais são as suas dificuldades, simplesmente diga eu quero esse dinheiro e então visualize esse dinheiro em três dimensões, com cores e com completa emoção, como se ele já tivesse sido dado a você; está aí nas suas mãos. É dessa forma que você deve rezar, seja se for por dinheiro, por saúde ou por relacionamentos, o que for. E então, seja autêntico na sua prece e reze a partir de um estado de transformação, não de um estado de depressão. A postura física deve ser uma postura de um estado de transformação. Os pensamentos devem ser pensamentos de transformação. A partir desse estado, reze, não a partir de um estado de depressão. Então as três coisas são: a solução, autenticidade e prece a partir de um estado de transformação, e então você verá quão belos os resultados são.” (Sri Bhagavan, postado por Chaturika Prakash, FaceBook Group Oneness Transcriptions) Click for english version...
"Please focus on the solution not the problem.Most often when you pray you focus on the problem.Please don't do that,example, if you want money don't pray saying what your difficulties are, simply say I want this money and then see that money in three dimensions in colour and with full emotion as though it has already been given to you, it is there in your hands. That is how you have got to pray whether its for money or for health or for relationship or whatever that is and then be authentic in your prayer and pray from a breakthrough state not from a breakdown state. The body posture must be in a breakthrough state, the thoughts must be breakthrough thoughts.From that state pray,not from a break down state. So three things are the solution, then be authentic and pray from a breakthrough state and you will see how beautiful the results are." (Sri Bhagavan, posted by Chaturika Prakash, FaceBook Group Oneness Transcriptions)

Nenhum comentário: