24 abril 2012

Dois tipos de Desejos...

“Existem dois tipos de desejos: desejos do coração e desejos da mente. Os desejos do coração são muito naturais, e é fácil para o Divino preenchê-los. Os desejos da mente surgem da cobiça, das mágoas, de tantas outras coisas. Esses desejos estão vindo da comparação, da dor, do ciúme. Uma vez que esses desejos estejam vindo da mente, é difícil para nós orar com todo o coração ao Divino; e internamente você mesmo também sente ‘eu não sou merecedor; eu não estou pronto para isso; eu não quero realmente isso; eu só estou pedindo por causa de outra pessoa, por comparação’ etc. Por tantas vezes você mesmo se torna um obstáculo para preencher o desejo da mente. E então a comunicação com o Divino fica muito fraca, e o seu desejo não alcança o Divino; e você não obtém uma resposta plena. Mas qualquer desejo do seu coração, que é natural, definitivamente irá acontecer.” (Nosso querido Guia Vikram Ji, sobre o laço com o Divino, Conferência com Espanha 26-Jun-11) Click for english version...


"There are two kinds of desires: desires from the heart, and the desires from the mind. The desires from the heart are very natural, and it is easy for the Divine to fulfill those desires. The desires from the mind arise from greed, from hurts, from so many other things. These desires are coming from comparisons, from pain, from jealousy. So since these desires are coming from the mind, it is difficult for us to pray heartfully to the Divine; and internally you, yourself also feel that, 'I am not worth it; I am not ready for it; I really don't want it; I am just asking it for, for somebody else's sake; for comparison,' and all that. So many times you, yourself also become obstacle to fulfill that desire from the mind. So the communication with the Divine is very weak, and your desire doesn't reach the Divine, and you don't get a full response. But any desire from your heart, which is natural, will definitely happen." (Our dear Guide Vikram Ji, about the bond with Divine, Conference with Spain Jun-26-11)

Nenhum comentário: